Archive for the ‘Mov Estudantil’ Category

h1

13º CONEB – 14 a 17 de janeiro – RJ

14/01/2011

O 13º CONEB da UNE é uma atividade integrada à 7ª Bienal da UNE.   Educação, Cultura, Comunicação, cidadania, trabalho, política são alguns dos temas previstos no evento. Há também arte e muito samba na programação. Confira e aproveite!

Programação 13º CONEB da UNE

Sábado 15 de janeiro de 2011

12:00 às 14:00 – Recepção dos participantes e abertura do credenciamento

Local: UFRJ campus Fundão

14:00 às 16:00 – Mesa de Abertura

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão

16:00 às 19:00 – Atividades auto gestionadas (encontro de entidades estaduais, federações e executivas de curso, movimentos, frentes de luta e áreas de atuação da UNE)

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão

19:00 às 21:00 – Lanche

Local: UFRJ campus Fundão

Domingo 16 de janeiro de 2011

08:00 às 10:00 – Café da manhã

Local: UFRJ campus Fundão

10:00 às 12:00 – Debates simultâneos

Tema 1: Rumos do desenvolvimento econômico e social brasileiro

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 1

Tema 2: A Juventude no centro do projeto de nação – construindo a 2ª Conferência Nacional de Juventude

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 2

Tema 3: Reforma política e fortalecimento da democracia no Brasil

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 3

Tema 4: Segurança pública e direitos humanos: uma agenda de paz e desenvolvimento social para o Brasil

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 4

Tema 5: Democratização do acesso e da permanência – lançamento do Seminário Nacional de Assistência Estudantil da UNE

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 5

Tema 6: O Pré-Sal e os novos paradigmas econômicos e energéticos

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 6

Tema 7: A Emenda Constitucional 29 e os demais desafios da 14ª Conferência Nacional de Saúde

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 7

12:00 às 14:00 – Almoço

Local: UFRJ campus Fundão

14:00 às 16:00 – Debates simultâneos

Tema 8: Soberania nacional e política externa

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 1

Tema 9: A questão agrária e a sustentabilidade ambiental no Brasil de hoje

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 2

Tema 10: Ô abre alas que as mulheres vão passar – lançamento do Encontro de Mulheres Estudantes da UNE

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 3

Tema 11: Educação no Brasil e a entrada no mundo do trabalho

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 4

Tema 12: Universidade, inovação tecnológica e política industrial

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 5

Tema 13: A erradicação do analfabetismo no Brasil

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 6

Tema 14: PROUNI – diagnóstico e bandeiras de luta

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 7


16:00 às 17:00
– Livre

17:00 às 19:00 – Debates simultâneos

Tema 15: Democratização dos meios de comunicação e marco regulatório da mídia no Brasil

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 1

Tema 16: Políticas afirmativas e a luta contra o racismo

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 2

Tema 17: Integração latino americana pela educação

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 3

Tema 18: Projeto Rondon

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 4

Tema 19: Autonomia e financiamento do ensino superior público

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 5

Tema 20: Valorização dos profissionais em educação no Brasil

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 6

Tema 21: Desafios para a regulamentação do ensino privado

Local: Centro de tecnologia da UFRJ campus Fundão – auditório 7

19:00 às 21:00 – Jantar

Local: UFRJ campus Fundão

21:00 às 22:00 – Livre

22:00 às 02:00 – Show

Convidados: Orquestra Imperial

Segunda-feira 17 de janeiro de 2011

08:00 às 10:00 – Café da manhã

Local: UFRJ campus Fundão


10:00 às 12:00 – Ato de Lançamento da Jornada de lutas UNE e UBES por uma educação a serviço do Brasil: “10% do PIB para educação e 50% do fundo social do pré-sal para educação – pela derrubada do veto e incorporação das emendas ao PNE”

Local: Maracanãzinho

12:00 às 16:00 – Plenária final 13º CONEB

Local: Maracanãzinho

16:00 às 18:00 – Almoço

Local: Maracanãzinho

18:00 às 22:00

– Livre

22:00 às 02:00 – Show

Convidados: Marcelinho da Lua e Baile do Simonal

Inscrições
As inscrições para observadores ainda estão abertas e podem ser feitas através do link: 13º CONEB.
Local do 13º CONEB da UNE
Os encontros e debates do 13º CONEB acontecerão no prédio do Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, no campus Fundão (CT da UFRJ).

Como chegar
Antes de tudo, procure na sua universidade – no CA ou DA – quem está providenciando o transporte para o 13º CONEB da UNE. Essa caravana deverá chegar ainda na manhã do sábado (15) na Federal do Rio, a tempo do credenciamento que começa às 12h.
Endereço: Av. Athos da Silveira Ramos 149 –  Bloco b, 2º andar – Ilha do Governador, Rio de Janeiro – RJ. Cliqueaqui e veja no mapa.

Via rodoviária
Para quem desembarcar no Terminal Rodoviário Novo Rio, existem cinco opções de linhas de ônibus para chegar à Federal.  Busque o balcão de informações e escolha o que lhe for mais conveniente.
Terminal Novo Rio: Av. Francisco Bicalho, 01 – Santo Cristo – Telefone (21) 3213-1800

Via aérea
O Aeroporto Internacional do Galeão (Antonio Carlos Jobim) é o mais próximo da Ilha do Governador, onde fica o campus Fundão da UFRJ. Há três opções de ônibus. Consulte o balcão de informações e opte pelo caminho que for mais conveniente.
Galeão – Endereço: Av. 20 de Janeiro s/nº – Ilha do Governador – Telefone: (21) 3398-5050

O aeroporto Santos Dumont fica no centro da cidade. Há duas opções de transporte.
Aeroporto Santos Dumont: Praça Senador Salgado Filho s/n° Centro – RJ – (21) 3814-7070

Credenciamento
O credenciamento dos delegados terá início às 12h do sábado (15). Se já providenciou o pagamento do boleto da taxa de inscrição, traga o comprovante. Ele vai agilizar o processo.

Caso ainda não tenha garantido sua inscrição, não vacile. Clique aqui e preencha as informações para gerar o boleto, que deverá ser pago nas agências da Caixa Econômica Federal.  Assim estará apto a representar sua universidade no Conselho.

O valor da inscrição dará direito ao credenciamento, às refeições, ao alojamento, e ao transporte – do dormitório até o local dos debates.

A plenária final vai acontecer no Ginásio do Maracanãzinho, complexo esportivo com capacidade de acomodar mais de 13 mil pessoas.
Endereço: Maracanãzinho – Rua Prof. Eurico Rabelo, s/n

Alojamento
Cerca de 80% dos delegados e demais participantes do CONEB ficarão alojados na UFRJ/Fundão. Escolas das imediações da Federal também estão sendo alocadas para receber os estudantes. Haverá transporte para levar aos locais das atividades.

h1

ATO em Brasília em defesa do ANDES, dia 21!

17/10/2010

MARCHA DO ANDES, DIA 21 DE OUTUBRO!!!

Docentes realizarão novo Ato Público em defesa do ANDES-SN no dia 21/10Docentes das instituições de ensino superior de todo o país protestam, no próximo dia 21/10, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília (DF), contra a interferência do governo na autonomia
sindical e contra os ataques direcionados ao ANDES-SN. A concentração para o Ato Público, que terá também a participação de outras categorias, está marcada para ocorrer em frente à sede do Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, a partir das 9 horas.

De acordo com a presidente da entidade, Marina Barbosa Pinto, o ANDES-SN é um sindicato que, em 30 anos de história, continua vivo, pulsante, construindo uma bela trajetória de luta em prol da universidade pública, gratuita, e de qualidade para todos os brasileiros.

“O ANDES-SN representa mais de 70 mil docentes e continua em expansão. Não admite a cobrança de nenhuma taxa sindical compulsória: mantém-se unicamente da contribuição direta e autorizada dos seus sindicalizados. Condena toda e qualquer submissão dos sindicatos aos governos e aos patrões. E, justamente por manter essa independência, sempre se colocou como obstáculo àqueles que tentam entregar a educação brasileira ao mercado”, afirma.

De acordo com ela, a representação oficial de uma parcela da categoria que atua em Santa Catarina foi obstruída ao ANDES-SN, desde maio deste ano, por ato do Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, o que precisa ser urgentemente revisto.

Em 21.10, o ANDES-SN entrou com recurso administrativo e vem tentando, desde aquela data, uma solução para o impasse e a resposta cabe ao ministro Carlos Lupi que, ironicamente, foi quem restabeleceu o registro sindical do próprio ANDES-SN, em 2009, depois que o Sindicato Nacional promoveu um grande manifestação na Esplanada dos Ministérios, que reuniu cerca de 2,5 mil pessoas.

Encontro Intersetorial
Após o Ato Público, o ANDES-SN realiza, de quinta a sábado, seu 5º Encontro Intersetorial, com a proposta de debater estratégias de luta comuns aos professores das universidades federais, estaduais e particulares.

O evento será aberto às 18 horas da quinta-feira com a apresentação do painel “Atualidade do Movimento Sindical e o ANDES-SN, com a presidente da entidade e o professor da Universidade Federal Fluminense, Marcelo Badaró.

Na manhã da sexta-feira (22/10), será apresentado o painel “Trabalho docente e organização da categoria”, com o encarregado de Relações Sindicais do ANDES-SN, Francisco Miraglia, e o professor da Unioeste, Antônio Bosi.

Durante a tarde de sexta e manhã de sábado, ocorrerão meses e grupos de discussão. Na tarde de sábado, será realizada a plenária final do evento.

Fonte: ANDES-SN

GALERA É MUITO IMPORTANTE A PARTICIPAÇÃO, O ANDES É O SINDICATO QUE DEFENDE O PROJETO DE UNIVERSIDADE PÚBLICA, AUTÔNOMA E DE QUALIDADE E ELE ESTÁ SENDO AMEAÇADO PELO GOVERNO, SEM O SEU REGISTRO O ANDES NÃO TEM PODER DE NEGOCIAÇÃO E ISSO É UM RETROCESSO NA LUTA DE CLASSES, EM DEFESA DOS TRABALHADORES!

ALÉM DISSO, AS LUTAS QUE O M.E. VEM TOCANDO SÃO APOIADAS PELO ANDES!!!

PRECISAMOS NOS MOBILIZAR. A NOSSA PARTICIPAÇÃO É DE GRANDE IMPORTÂNCIA.

PROCURE UMA SEÇÃO SINDICAL DO ANDES-SN MAIS PRÓXIMA PARA VERIFICAR POSSIBILIDADE DE IDA.

h1

Campanha Nota Zero para o ENADE na UFF!!!

14/10/2010
NOTA ZERO PRO ENADE!

Este ano o ENADE deverá avaliar cerca de 450 mil estudantes. Prova aplicada no dia 21 de novembro (13h) aos estudantes matriculados no primeiro e no último anos dos cursos de bacharelado em Agronomia, Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia, Serviço Social, Terapia Ocupacional e Zootecnia, e dos cursos superiores de tecnologia em Agroindústria, Agronegócios, Gestão Hospitalar, Gestão Ambiental e Radiologia.

O ENADE para legitimar a precaridade da educação superior brasileira, avalia apenas os estudantes e transfere para estes toda a responsabilidade da qualidade de ensino. Além de não considerar a indissociabilidade do ensino, pesquisa e extensão. Avaliar apenas os alunos é insuficiente, devem-se avaliar as Universidades como um todo, respeitando as especificidades de cada instituição, diversidades curriculares, e as regionalidades. Deste modo o ENADE desrespeita a autonomia universitária didática e científica. Além de não considerar prioritariamente os problemas de assistência estudantil, escassez de corpo docente e estrutura da universidade que vão interferir e muito numa boa formação acadêmica.

Existem universidades que dão prêmios em dinheiro aos melhores alunos que tiraram notas altas no ENADE a fim de utilizarem a prova como propaganda no mercado da educação para atrair mais estudantes para suas universidades e encherem seus bolsos. O ENADE não significa melhoria na qualidade do ensino.

A estrutura do ENADE contém componentes absurdos, o que justifica a proposta do boicote a esta avaliação:
1. Ranqueamento
2. Obrigatoriedade
3. Desrespeita as diversidades regionais
4. Avaliação restrita
5. Punitivo X Propositivo
6. Financiamento

Por isso, chamamos todo@s estudantes a se incorporarem a esta campanha!!!
No dia da prova, assine a lista e deixe a prova em branco e cole o adesivo da campanha.

ENADE SERVIÇO SOCIAL NÃO FAZ!
Lutamos por uma avaliação de verdade fora desses marcos!!!


VENHA DEBATER SOBRE O ENADE!!!

AMANHÃ – 14 DE OUTUBRO – 18H
AUDITÓRIO DO SERVIÇO SOCIAL – SALA 405 – 4º ANDAR.
Escola de Serviço Social/UFF
Organização (coordenação)
MESA: O SERVIÇO SOCIAL NO ENADE –

REFLEXÕES SOBRE O SISTEMA DE AVALIAÇÃO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

convidados: CRESS/7ª Reg. , ABEPSS e ENESSO.


Vamos divulgar galera!!!

h1

Manifesto aos estudantes da Região VI em relação ao CBAS

23/05/2010

Tendo em vista a realidade do trabalhador/estudante e o baixo valor das bolsas de auxilio dos estágios onde o estudante deixa, muitas vezes, o seu trabalho formal, aquele de carteira assinada, para dedicar-se ao seu estudo, como oportunidade única em sua vida e tendo como renda para manter-se na faculdade, seja a alimentação, o xérox, sua vestimenta, materiais em geral, passagens e entre outros, apenas a bolsa do estágio, o qual, na nossa região, é a média de 400 reais mensais – dependendo do estado. Read the rest of this entry ?

h1

Greve na UNIMONTES

23/05/2010

A Universidade Estadual de Montes Claros, encontra-se em greve geral desde o dia 19 de abril. Os servidores e professores tecnicos administrativos exigem a transformação e melhorias das condições de trabalho. Read the rest of this entry ?

h1

Movimentos Sociais e Estudantes saem às ruas de Montes Claros

22/02/2010

O Povo brasileiro tem que se organizar e ocupar as ruas, denunciando as atrocidades da classe dominante que explora há mais de 500 anos o povo desta terra! Read the rest of this entry ?

h1

Ação Internacional da MMM será marcada por Marcha em São Paulo

22/02/2010

Karol Assunção

“Seguiremos em Marcha até que todas sejamos livres”. É com essa convicção que mulheres de todo o mundo realizarão, neste ano, a 3ª Ação Internacional da Marcha Mundial de Mulheres (MMM). No Brasil, a atividade central acontecerá de 8 a 18 de março, com uma Marcha que irá de Campinas a São Paulo (SP). Read the rest of this entry ?